Novo Kia Rio, Kia Rio 2012, Fotos, Lançamento

em sexta-feira, 13 de abril de 2012

Amigos leitores, também está programado para este a estréia do Novo Kia Rio 2012. A kia aposta tudo neste lançamento para competir no seguimento de Hatchs premium.
O novo Rio, foi lançado na Europa em 2011 e que deve aportar em terras brasileiras no segundo trimestre de 2012, com status de compacto premium.

Além da configuração hatch de quatro portas, já existente, está estreando nesta geração uma variante mais esportiva, de duas portas. Do aspecto sem graça e ultrapassado do modelo anterior passamos para um design bem mais agressivo (assinado por Peter Schreyer, ex-designer da Audi), que ganha a nova grade da família de todos os atuais Kia e uma lateral de fortes vincos à moda do Elantra.

Outra mudança evidente se deu nas medidas: o comprimento foi esticado em quase 6 cm, todos colocados na distância entre-eixos (que ficou 7 cm maior), além de a largura também ter crescido 2,5 cm. A prioridade dada ao aumento do espaço para pernas atrás acabou limitando a ampliação do porta-malas, que tem 288 litros - apenas 18 litros mais que antes.

Dentro do cabine, percebe-se que a visibilidade não está entre os atributos do novo Rio, tanto para os ocupantes traseiros (a linha de cintura ascendente não ajuda) como para os da frente, que se sentirão muito baixos e com pouca visão para a estrada se tiverem menos de 1,70 metro. O motorista pode ajustar a altura do banco e a coluna de direção em altura e profundidade, mas vai sofrer nas balizas devido às grandes colunas traseiras - por isso é recomendável pensar em adquirir a câmara de ré, que é vendida como opcional.

O quadro de instrumentos tem aspecto clássico, mas a Kia insiste nos caracteres vermelhos na tela digital ao centro do velocímetro, o que piora a leitura e dá um visual mais barato. Os materiais do painel são quase todos rígidos - diferentemente do que ocorre com concorrentes diretos como o Polo e o New Fiesta Hatch -, mas o conjunto aparenta solidez.

O  Rio vendido por aqui já chegará flex. Percebe- se logo que são motores modernos, devido à suavidade de funcionamento e, no caso do 1.4 (que pode ter um câmbio manual de seis marchas ou automático de quatro), com resposta rápida acima de 1800 rpm. O 1.2 é mais lento e obrigará a um uso mais intensivo do relativamente suave e preciso câmbio de cinco marchas.

O acerto da suspensão - McPherson à frente e barra de torção atrás - satisfaz no geral, ainda que pudesse ser um pouco mais suave, já que o centro de gravidade do Rio não chega a representar desafios à estabilidade em curvas. Vale lembrar que os pneus quase esportivos também não ajudaram muito. Os carros avaliados no lançamento mundial, em Lisboa, tinham pneus de 195 a 205 mm de largura, em rodas aro 16 e 17, que prejudicaram um pouco o conforto, passando mais vibrações do que seria desejável.



A direção elétrica mostra-se uma pluma nas manobras em trânsito urbano, mas poderia ser um pouco mais rápida e precisa no caso do motor 1.4 a gasolina, que tem pegada mais esportiva. O pedal do freio requer ainda alguma adaptação ao uso, por ser um pouco "esponjoso", mas no geral o carro mostra-se seguro e estável nas frenagens. O que merece elogios mesmo é seu nível de segurança: desde a versão mais simples ele já conta com duplo airbag, airbags laterais, freios ABS com EBD e BAS, controle de estabilidade (ESP) e cinto de três pontos com pré-tensionamento para todos os ocupantes.





Se mantiver o nível de equipamentos de série e um preço competitivo frente aos concorrentes do mercado local (estamos falando de Volkswagen Polo, Fiat Punto e Ford New Fiesta Hatch), o Kia Rio tem tudo para fazer do Brasil sua praia no segmento dos hatches premium.
Fonte da reportagem: Quatro Rodas
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um comentário:

  1. carro muito loko , vai ser fabricado no brasil

    ResponderExcluir

Os comentários deste blog são moderados.
Utilize sua conta do Google para comentar.

Arquivo do blog

Online

  ©Auto Motors - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger